Cátedra Camilo Castelo Branco
21 Maio 2021
Grupo
Cátedra

Na sequência da recente classificação da Colecção Camiliana de Sintra como Bem Cultural de Interesse Público e da colaboração mantida pela Câmara Municipal de Sintra com alguns investigadores do Grupo Filologia do CLUL para a edição e estudo dos manuscritos contidos neste espólio, acaba de ser aprovada a criação da Cátedra Camilo Castelo Branco, sediada na FLUL e financiada pela CMS. A Cátedra integrará investigadores do grupo de Filologia e propõe-se promover o estudo da Colecção, na perspectiva de uma interpretação global da obra de Camilo Castelo Branco, através de actividades de investigação e de divulgação. Pertencem a esta Colecção alguns dos romances camilianos cujas edições críticas foram preparadas no âmbito da colaboração acima mencionada e publicadas pela Imprensa Nacional.