Gramática & Recursos

Este grupo centra-se na modelação do conhecimento linguístico integrando conhecimento sobre interfaces entre diferentes áreas da gramática e conhecimento sobre o uso da língua. O grupo tem como característica distintiva o trabalho conjunto nas áreas da fonologia, do léxico, da sintaxe e da semântica, com o objetivo de construir um modelo integrado de gramática, considerando a forma como o conhecimento linguístico é representado na mente humana, bem como a forma como esse conhecimento poderá ser modelado computacionalmente; o trabalho sobre a aquisição de L1 e L2 está naturalmente no centro deste programa de investigação. A integração de modelos de representação do conhecimento linguístico e de modelos de uso da língua é conseguida através do estudo de corpora.

A produção de corpora e recursos em geral serve ainda o objetivo do grupo de produzir documentação e descrições do português europeu contemporâneo, bem como de línguas menos estudadas que resultam de contacto linguístico (crioulos de base lexical portuguesa, variedades nacionais do português em África e na Ásia). O grupo produz ainda recursos para o estudo da aquisição do português como L1 e como L2 em diferentes situações de aquisição. O grupo integra o CLARIN LP.

A investigação desenvolvida por vários membros do grupo na área da aquisição de L1 e L2 contribui diretamente para o objetivo geral do CLUL de articulação entre investigação fundamental e aplicada, nomeadamente nas áreas da Linguística Educacional e da Linguística Clínica.

São, atualmente, grandes objetivos do grupo:

- Produzir novos recursos para o estudo do português e de crioulos de base lexical portuguesa;

- Continuar investigação fundamental que visa a modelação do conhecimento linguístico, integrando conhecimento sobre interfaces internas à gramática;

- Continuar a documentação e descrição de crioulos e novas variedades do português que emergiram em situação de contacto de línguas;

- Desenvolver o estudo da aquisição do português, dando especial atenção a situações de contacto linguístico (no âmbito do recente Heritage Language Consortium) e à comparação entre desenvolvimento típico e atípico;

- Explorar a potencialidade da linguística comparada para a produção de recursos para a tradução e promover, na mesma área, ligações à indústria.

IR do Grupo

Membros

Colaboradores

Outros ex-membros
Armando Zamora, Maria Sampedro Mella
Recursos Tipo
A Lexicon of Child European Portuguese - CEPLEXicon Léxico
Acquisition of European Portuguese Databank - AcEP Base de dados
Base de Dados para a Identificação do Português Língua Nativa - NLI-PT Base de dados
Child-Adult interaction European Portuguese Base de dados
Corpus Almeida - European Portuguese / French Corpus
Corpus Angolar Corpus
Corpus C-ORAL-ROM Corpus
Corpus CCF Corpus
Corpus CINTIL Corpus
Corpus de Português de Cabo Verde Corpus
Corpus de Português do Sri Lanka Corpus
Corpus de Referência do Português Contemporâneo - CRPC Corpus
Corpus de Textos Literários - LT Corpus Corpus
Corpus do Parlamento Português anotado com POS - PTPARL Corpus
Corpus Fadambo Corpus
Corpus Leiria (1991) Corpus
Corpus Online de Escrita e Fala de Crianças nos Primeiros Anos de Escolaridade - EFFE-On Corpus
Corpus PESTRA Corpus
Corpus Português Fundamental - Corpus PF Corpus
Corpus Principense Corpus
Corpus REDIP Corpus
Corpus Santome Corpus
Corpus SANTOS - Português Europeu Corpus
Crosslinguistic Child Phonology Project - Português Europeu - CLCP-PE Ferramenta
Dados Orais de Cabo Verde - CV Words Base de dados
Demo de Subespecificação e Desambiguação de Escopo Ferramenta
Dicionário de Hindi-Português-Hindi Base de dados
Diu Indo-Portuguese Data Set Base de dados
Interacção Pessoa-Máquina em Linguagem Natural - INQUER Base de dados
Learner Corpus of Portuguese L2 - COPLE2 Corpus
Léxico Multifuncional Computorizado do Português Contemporâneo Léxico
NPChunks: Corpus of 1000 sentences annotated with PoS and nominal chunks - NPChunks Corpus
Online Dictionary Portuguese-Slovak/Slovak-Portuguese Base de dados
Pereira&Freitas - EP Corpus
PhonoDis Corpus
Português Controlado - CLG Base de dados
Português Falado - Variedades Geográficas e Sociais Corpus
Portuguese Corpus Annotated for Modality - MODAL Corpus
Portuguese Lexicon of Discourse Markers - LDM-PT Léxico
Portuguese Technical Lexica - LEXTEC Léxico
Ramalho – EP Corpus
Recolha de dados de PLE Corpus
Santome Structure Dataset Base de dados
Spoken Corpus Mozambique 1986-87 - SCM Corpus
Tarefas de Consciência Fonológica para Crianças do 1.º Ciclo do Ensino Básico - TCFC Ferramenta
Tarefas de produção orais e escritas de sequências consonânticas - PORESC Ferramenta
Unidades Lexicais Multipalavra Nominais em Português Europeu Léxico
Vocativos em Português Europeu Corpus
Word Combination in European Portuguese - LEX-MWE-PT Léxico
WordNet.PT Léxico
Artigo de Jornal
Bacelar do Nascimento, M. F., Casteleiro, J. M., Marques, L. G., Segura, L., & Santos, M. (182AD). Notícia sobre os resultados do Português Fundamental. Boletim Da Sociedade De Língua Portuguesa, pp. 11-15. Lisboa.
Bacelar do Nascimento, M. F. (1983). Le projet du Portugais Fondamental. Recherches Sur Le Français Parlé, pp. 67-83. Provence.
Cintra, L., Casteleiro, J. M., Marques, L. G., Da Cruz, S., & Bacelar do Nascimento, M. F. (1985). O método e os resultados do Português Fundamental. Jornal De Letras, Artes E Ideias, pp. 22-23.
Bacelar do Nascimento, M. F. (1986). Entrevista: "Português Fundamental". Publicação Para Formadores E Animadores/monitores, pp. 22-26. Lisboa.
Bacelar do Nascimento, M. F. (1988). Português Fundamental, Métodos e Documentos. Revista Icalp, pp. 105-108. Lisboa.
Bacelar do Nascimento, M. F., Chacoto, L., & Neto, P. (1989). Como escrever o oral?. Revista Internacional De Língua Portuguesa, pp. 36-40. Associação das Universidades de Língua Portuguesa.
Bacelar do Nascimento, M. F. (1990). L'intérêt des données orales dans l'élaboration des dictionnaires de langue. Travaux De Linguistique, pp. 71-79. Paris-Louvain-la-Neuve.
Bacelar do Nascimento, M. F. (1993). Bases de referência orais e escritas do português contemporâneo. Noesis, pp. 28-29. Instituto de Inovação Educacional.
Relatório
Rodrigues, C., & Lourenço-Gomes, M. C. (2019). Relatório do projeto EFFE-On 2016-2018. Lisboa: CLUL. http://doi.org/10.13140/RG.2.2.25355.34081
Rodrigues, C., Lourenço-Gomes, M. C., Alves, I., Costa, P., & Martinez, S. (2015). Relatório do NICEF 2015.
Rodrigues, C., Lourenço-Gomes, M. C., Alves, I., & Sousa, A. (2014). Relatório do NICEF 2014 (p. 6 p.).
Martins, F., Rodrigues, C., Brissos, F., & Simões, D. (2013). Relatório do Núcleo de Investigação em Fonética Forense (NIFF) - 2013 (p. 5 p.).
Lourenço-Gomes, M. C., Rodrigues, C., Alves, I., & Sousa, A. (2013). Relatório do Núcleo de Investigação Projeto Escreves como falas - falas como escreves? (EFFE) (p. 7 p.).
Bastos, V. M., & Rodrigues, C. (1991). Memórias das Gentes do Lugar. Ed. Caminho: Câmara Municipal de Santiago do Cacém.
Tese
Móia, T. (1992). A Sintaxe das Orações Relativas sem Antecedente Expresso do Português. Dissertação de Mestrado. Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.
pdf414.89 KB
Móia, T. (2000). Identifying and Computing Temporal Locating Adverbials with a Particular Focus on Portuguese and English. PhD Thesis. Universidade de Lisboa.
pdf1.99 MB
Truppi, C. (2015). Bare Nouns among and beyond Creoles. A syntactic-semantic study of Kriyol Bare Noun Phrases based on a crosslinguistic comparison and the theoretical implications. umboldt-Universität zu Berlin. Retrieved from https://edoc.hu-berlin.de/handle/18452/17928
Mendes, S. (2009). Syntax and Semantics of Adjectives in Portuguese: analysis and modelling. Universidade de Lisboa.
Não Publicado
Móia, T. (1998). On the Semantics of Temporal Operators Expressing Anteriority and Posteriority. Artigo não publicado apresentado à conferência The Syntax and Semantics of Tense and Mood Selection, U. Bérgamo, julho de 1998 [Unpublished paper presented at the conference The Syntax and Semantics of Tense and Mood Selection, Bergamo U., July 1998].
pdf92.89 KB
Rodrigues, C. Consonantismo. Gramática do Português. Lisboa: CLUL/ FCG.